quarta-feira, 4 de janeiro de 2012

A ignorância abstrata

O ego do homem é como um buraco negro que suga a tudo que estiver a sua volta, e quanto maior for este buraco maior será a sua egocentricidade...

Quanto maior for este buraco, maior será o vazio de Deus, e ainda que o mesmo seja um ateu, fará do seu buraco o seu deus, dando a ele a inferência de sua existência... 

Nós vivemos em um universo subdividido em que tal como nos primórdios clãs são estabelecidos e depois de estabelecidos hermeticamente fechados.

Vejo-me assustado e perplexo a olhar do lado de fora a pseudo comunhão de interesses em que faz de alguns lideres autocratas e de seus seguidores incautos subservientes.

Fico sem entender como evoluímos tanto tecnicamente, mas no aspecto metafísico estamos estagnados sem a idéia concreta do que se tornaria uma verdadeira emancipação.

Sei que não posso generalizar, já que existem os que edificam consolidam consubstanciam e fazem da convivência algo primoroso.

Avaliando os fatos de um modo geral assusta-me a ignorância abstrata que jaz demente e obstinada.

O que me deixa tão entristecido com o desatino da humanidade que aos poucos voltados para os seus próprios interesses esquece-se de buscar a evolução por intermédio da confraternização.

E ao vê-los a comungarem percebo que comungam através de seus próprios interesses a partir de seus próprios interesses e não necessariamente dos interesses de outrem...

E no mundo social estamos orbitando vegetativos sem uma proposta mais objetiva e conclusiva.

Nosso paradigma sobrepuja tornando outros ideais em filosofias subjugadas e com isto dirimimos até mesmo o que seria a edificação do nosso próprio paradigma se tivéssemos a humildade de buscar o que verdadeiramente há de bom em outros paradigmas, desde que isto não colocasse em descrédito aquilo que tanto acreditamos.  

Não falo de uma consciência única de uma consciência subserviente, falo de emanciparmos para nos tornarmos mais nutritivos aos que nos rodeiam.

Evidentemente que a partir de nossa evolução aquele que assimilar literalmente a nossa emancipação reverberará emanando luz graça e conhecimento.

Homem algum por si mesmo traz a potencialidade de rogar para si a essência de todas as coisas, somos falhos, efêmeros, perecíveis, inconstantes, e somente um pode nós tornar melhor!

DEUS.

Na pessoa de Jesus Cristo.



Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito
para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Só queria uma chance. [ Ao ouvir Roberto Carlos - Estou aqui! ]

No cartaz estava escrito. GRANDE CURA PARA O MAU. Dizia que o Senhor é a solução… ***********   Eu vim aqui Senhor!… ...