terça-feira, 17 de abril de 2012

Teologias alvissareiras


A palavra de Deus é como um problema de difícil entendimento aos que acham que sabem tudo e não anulam o que acreditam saber para estudar exaustivamente esta matéria...
O pior é quando muitos tentam deturpar e adulteram tudo aquilo que estudaram conhece a solução, mas a negligenciam criando uma pseudo resposta.
...Se dois e dois são quatro, quanto mais tentarmos alterar este resultado mais longe da simplicidade acabamos por ficar.
Quantas vezes  daltônicos confundem a excelência das cores, porém ainda que sejam terminantemente irredutíveis a cerca de suas convicções, o azul sempre será azul, assim como o verde jamais se converterá em vermelho.
Ainda que se tente implementar cores e ou misturá-las, teremos sempre novas cores desta forma não adianta imaginar que o azul e o vermelho  seguiriam distinguidas quando na verdade sabemos que a coisa fica roxa...
Quantas teologias alvissareiras e aparentemente deslumbrantes se têm vivenciado?
Desde os gnósticos tempos em que hereges se valiam de uma teologia infame para se verem semideuses aprisionados numa cadeia decrépita chamada corpo humano...
na atual conjuntura, esta mesma cadeia insuflada pela natureza humana se entorpece sedenta para satisfazer suas paixões e com isto buscam por intermédio do humanismo  se auto valorizar.
Em vez de negar a si mesmo, mais alucinante é obstinadamente ansiar por satisfações pessoais.
E nesta questão quantos vorazes falsos profetas estão aproveitando de infâmia de uma massa ignara sedenta por caprichos ensinam uma teologia pragmática humanista hedonista herética...
E já não sei o que é pior se o gonsticismos dos primórdios, ou esta obsessão para abarcar todos os prazeres que esta nova teologia nos traz e entre elas a pior...

A TEOLOGIA DA PROSPERIDADE...   






Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (Jo, 3:16)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixa-me caminhar...

Um homem caminha lentamente sob um olhar cuidadoso são eternos e ternos olhos amorosos contemplam a sua longa caminhada... El...