terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Clamamos por um avimento












“Talvez esteja sendo um visionário, não sei”...

    Mas não abro mão de valores imprescindíveis uma doutrina literalmente espiritual sem nenhum subterfúgio.

    Talvez tenha exagerado ao acreditar que homens como John Hus, John Yglifh, Jerônimo Savonarola, foram pessoas reais e não personalidades folclóricas sem vida empoeirada nos arquivos ou prateleiras do porão da nossa igreja...

    Igreja que traz guardado nas catacumbas ou nas ruínas de um coliseu o grito de amor a Jesus Cristo enquanto dilaceravam-se na boca de leões quando não eram queimados vivos em praças públicas.  

    Vamos cavar a sepultura de Lutero quem sabe não está lá o segredo?  O fogo já consumiu o holocausto vamos sair da caverna vamos ungir nosso Jeú, sete mil continuam de pé não se dobraram a Ball.

    Tuas palavras estão em nossas bocas Habacuque, aviva ó Senhor a tua obra!  Vamos tocar trombeta em Sião fazer tremer todos os moradores da terra o dia do Senhor vem já está perto.

    Queremos a nação para o Senhor Jesus, clamamos por um avivamento e temos potencial para fazê-lo através da nossa fé dedicação e amor e submissão, tendo acima de tudo toda humildade um crônico desejo de renuncia e um arrependimento profundo no mais íntimo de nossas almas.

    ...Quando ouvirdes a voz de Deus não endureçais os vossos corações, e se nós!
 ... Que fazemos menção ao nome de Jesus nos humilharmos e orarmos buscando a sua face nos convertendo dos nossos maus caminhos, então Deus ouvirá dos céus perdoará os nossos pecados e sarará a nossa terra.
    Vem dos quatro ventos ó Espírito assopra sobre estes mortos para que vivam faça-nos saber SENHOR! Que somente tu és Deus! Visita as nossas sepulturas fazei sair dela um povo santo faça viver o que morto está assim como tu operavas maravilhas na antiguidade.

    Ó!  Se fendesse os céus e descesses se os montes tremessem diante da tua face como quando o fogo inflama os gravetos e faz ferver as águas, desce para fazer notório o teu nome aos teus adversários e fazer que as nações tremam diante da tua face.
    JESUS CRISTO.
    És o mesmo ontem hoje e eternamente o será!  Mas o povo já não o conhece mais, banalizaram o teu nome dilapidaram os teus estatutos se infiltram em meio aos que são fieis, com seus louvores plagiaram a dedicação que lhe ofertavam, foram à fonte tiraram do puro manancial misturam águas amargas, purifica esta fonte ó Deus!

    Não pode uma fonte jorrar do mesmo manancial, água doce e água amarga, assim diz o Senhor!  Este povo se aproxima de mim, com sua boca e com seus lábios me honra, mas o coração está longe de mim...

    Tal como Gibionitas que astuciosamente infiltraram-se ludibriando a Josué com seus trapos de imundice o pão bolorento do pecado e da ganância e idolatria, adultério e fornicação.

Muitos hoje o adoram com suas canções, mas não querem libertação não assumem a responsabilidade reconhecendo que apenas tu ó Rei deve ser adorado, Tu e mais ninguém! Pois só o Senhor é Deus!

    O tempo se finda chega de engano tiremos a máscara rasguemos o pano fiquemos atento, Jesus está voltando... O Espírito e a noiva dizem, VEM!
    Ouvi outra voz do céu dizer: SAI DELA POVO MEU para que não sejas participante dos seus pecados, para que não incorras nas suas pragas.




 Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito,
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Só queria uma chance. [ Ao ouvir Roberto Carlos - Estou aqui! ]

No cartaz estava escrito. GRANDE CURA PARA O MAU. Dizia que o Senhor é a solução… ***********   Eu vim aqui Senhor!… ...