sábado, 25 de maio de 2013

Divergências.



















Até que se prove o contrario,
todo réu é inocente,
mas todo inocente também é culpado.

A uns ele é apenas um injustiçado,
a outros,
já está condenado!
.

...De um lado aqueles que o defendem
e o tem como justo e imaculado,
do outro lado
há os que o acusam
e bradam indignados.

__Ele vil pusilânime infame!!!...
__Não!!!
Ele bom amigo honesto!...

E eu?!

Eu não tenho nada com isto!

Só estou escrevendo...



Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Serás sempre mulher! [Uma resposta a Avon]

A semente que gera. És feminina és doce és bela! suave como a pétala de uma flor tão sublime és princesa e não importa sua ra...