sexta-feira, 2 de agosto de 2013

A vida é somente a vida

Devemos clamar a Deus por nossas necessidades, mas acima de tudo é imprescindível que respeitemos as suas prioridades.

Nossas necessidades inflamam em nossas emoções e faz com que a nossa situação torne mais difícil a nós mesmos.

Juntando-se a isto a tão comum ansiedade que faz com que tudo aquilo que tanto ansiamos seja um fardo ainda mais difícil de suportar.

Deus de nada necessita, nem mesmo de nós ele tem necessidade!

Sente falta da gente por que ele é amor e seu coração é a pura essência deste incomensurável teor.

Amor este que tem toda a consciência de nossa vulnerabilidade por isto faz de sua prioridade o aperfeiçoamento de nossas vidas.

Somente com o tempo com as dores com as frustrações que aprendemos a importância de passarmos pelo magnífico aprimoramento de Deus que nos faz incólumes de nossas debilidades se estivermos literalmente arraigados na sua soberana vontade.

Quantos não obtiveram suas conquistas e muitas delas sem que Deus tivesse o seu interesse intrínseco ao nosso.
Sei que isto torna-se um pleonasmo, mas a grande verdade que tão certo como subir para cima está o fato de reconhecer que Deus é bom e em tudo ele sabe o que faz e sobretudo tem todo o controle.

Parece discrepante quando vemos tantas disparidades que subsistem com a permissão do próprio Deus, não que eu queira jusfica-lo como se eu tivesse condições para tal.

Mas Deus nas intempéries do homem e da natureza do homem, do mundo e da natureza domudo, faz destas intempéries para edificação dos seus propósitos.

Sei que as vezes parece tudo tão sem sentido mas a vida é somente a vida, se ontem pensávamos que tudo estava acabado hoje estamos firmes isto é se tivermos forças e confiança neste mesmo Deus.

E se hoje estivermos passando por dificuldades, com certeza amanhã sobressairemos a elas, e mesmo que aparentemente estejamos derrotados, que sejamos derrotados.

A vida é somente a vida e só não venceremos se desistirmos de lutar!...


Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você se lembrar de mim. [Ao ouvir Chris Thompson ]

A importância de saber lidar com sentimentos subjetivos é imprescindível para que tenhamos equilíbrio. Às vezes o passado torna-se...