sábado, 26 de novembro de 2016

Eu sou apenas um rapaz latino americano...




Todo sermão deve ser voltado para pessoas e não sobre coisas, pois as coisas são efêmeras, mas a alma é eterna.

Porém acima de tudo é imprescindível que ao direcionar este sermão para as pessoas, jamais poderemos associa-lo a preleções humanistas que retiram das pessoas a responsabilidade de renunciarem a sua natureza propensa a tantos erros.  

Não somos perfeitos e o próprio apóstolo Paulo testifica esta grande verdade ao reconhecer o processo subjetivo ao que ele mesmo era submetido, e vale a pena lembrar que mais importante do que ser um processo subjetivo, tratava-se de um processo evolutivo como era o caso dele.

Não que já a tenha alcançado, ou que seja perfeito; mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus.
Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, 
e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim,
Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.
Filipenses 3:12-14

Temos presenciado tantos preletores que deturparam seus discursos conduzindo-os a uma dialética humanista herética e o que entristece é quando grandes líderes midiáticos no afã de galgarem destaque, glória e poder, deixaram de pregar o que as pessoas necessitam para as ludibriarem com discursos que nada mais faz do que insuflar egos.

A teologia tornou-se uma filosofia deturpada e anacrônica, quantos absurdos temos presenciado e no entanto achamos tudo tão normal!

A sociedade está um caos somos a vergonha mundial nos escândalos advindo da politica, a violência que se instalou sobre esta nação, e é tão comum virmos líderes religiosos, seja lá de qual religião for!

Mas estão, uns, assentados em reconfortáveis estúdios de televisão trazendo suas palavras dóceis e vazias sem nenhuma eficácia, outros, criaram denominações que se transformaram em impérios que usam o nome de Jesus Cristo, mas advogam em cauda própria.

Os corporativismos estão se estabelecendo e ironicamente vejo-os análogos a tribos de índios pagãs e cada qual tem o seu cacique o que fragmentou a teologia e do que seria uma teologia sadia idônea ramos infrutíferos vão brotando com o pseudônimo de teologias diferentes.

Teologia da libertação, da prosperidade, teologia liberal, universalista, quantas teologias meu Deus!

Deixo aqui a minha queixa para alguns que tanto me ensinaram e ainda me incentivam a continuar, mas fizeram um muro em volta deles mesmo, muito embora sejam ilibados idôneos, acabam deixando a maioria do lado de fora, enquanto os despostas, os artistas gospels, os tele-evangelistas, estão nos entupindo com as suas heresias.

Isto me reporta ao celebre pensamento de Edmund Burke.
 “O mal sempre triunfa quando homens de bens não fazem nada”.


Eu confesso que a culpa é minha quando demagogicamente afirmo que deveria ter estudado mais, deveria ter esmiuçado mais a cerca da doutrina cristã, deveria ter investido mais, me tornado tele-evangelista mediático já que não estudei que não me esmiucei a cerca da teologia, muito embora infelizmente existem tele-evangelistas que são formados o que aumenta ainda mais a minha angustia...

Mas já que destilei as profundas lágrimas da demagogia, vou concluir dizendo que sol apenas um rapaz latino americano sem dinheiro no banco sem parentes importantes...





Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito,
 para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflexões... [Ao ouvir Prisma.].

. A teoria  da relatividade nada mais é do que a ilação abstrata que só se concretiza consolidando literalmente quando orquestrada por...