sábado, 4 de fevereiro de 2017

Profetas, apóstolos, e teólogos calvinistas...


Profetas & apóstolos

A voz que um dia ecoou
que com seu próprio sangue semeou
as sementes que regadas com o sangue
sangue que da cruz derramou

sangue de Jesus que pagou
um alto preço por nossas vida custou.

Profetas que antes o anunciaram
e a tudo e a todos enfrentaram
a maioria deles com a própria vida pagaram
mas destemidamente falaram
heroicamente a fé não negaram.

Até que ele esteve conosco
comeu do nosso pão
converteu-se em nosso irmão
e nos trouxe a salvação
derramou seu sangue não foi em vão.

Apóstolos que o seguiram
discípulos que o obedeceram
que por causa do terrível legado
barbaramente sei morreram...

Profetas & apóstolos
e todo homem de fé,
fé que floresceu em Nazaré
estendeu por Samaria
Judeia e confins do mundo
em que quase todo mundo
que por amor não negou a fé
e morreu como um profeta
padeceu como um apostolo
estes sim tem minha honra!


*******


Muitos se auto intitulam apóstolos, profetas, sem avaliarem a tamanha importância de um legado que ceifou a vida destes mesmos dignos servos do Altíssimo, o que torna tais substantivos apenas um insipido codinome na nomenclatura.

A história nos traz a reverencia de homens que não somos dignos de se quer abotoar as sandálias dos mesmos, homens como Elias Isaías Jeremias, João batista...

Pedro Tiago João, Paulo...

Teologicamente fica meio fora de contexto até mesmo para uma analogia, como posso aludir os que hoje arrogam para si mesmos tais referencias quando os mesmos mais parecem aqueles sacerdotes, papas e cardeais cheios de pompa e honra...

Comissionados pelo Espirito Santo os profetas eram a boca de Deus e para que suas vozes pudessem ecoar passavam por terríveis humilhações não prometiam facilidades vidas regaladas regadas do bom e do melhor, geralmente eram até mesmo odiados porque confrontavam aos homens levando-os a  obrigação de reverem os seus conceitos.

Estes eram os verdadeiros profetas que em muito se diferia dos que promulgavam bonanças e mais bonanças para um nação corrompida pelo pecado, o maior exemplo disto foi Jeremias que por volta de 600 A.C. sofreu terrivelmente alertando o povo sobre o mau maior que acabou culminando com o exílio babilônico.

Comissionados pelo o próprio Cristo Jesus os apóstolos tiveram que conviver com as hostilidades, inicialmente de um judaísmo arcaico e deturpado aonde sacerdotes depois de matarem ao mestre, intentavam contra a vida dos seus comissionados discípulos.
Porém como o evangelho sobrepuja a tudo, transcendeu as circunvizinhanças de Jerusalém e os apóstolos juntamente com os cristãos passaram a serem perseguidos por sanguinolentos imperadores e a cada apostolo que sangrava abatido ao chão, Deus levantava seguidores que se tornaram mártires e pais da igreja.

Homens como Policarpo Tertuliano, Justino, ainda que não rogaram para si mesmo a comenda de apóstolos ou profetas fizeram jus a digna honra de assim serem chamados ainda que ninguém nunca os tenham tidos como tais...

Mas sem fundamentalismo, eu acredito que se estes que hoje se alto intitulam profetas e apóstolos resolverem corajosamente pregar sem medo algum o evangelho no Iraque Irã Coreia do Norte!

Eu terei o maior orgulho de reconhecê-los como tal, e ainda farei uma enorme estatua para o primeiro que for abatido e ainda que teólogos calvinistas me questionem os defenderei com a minha alma.






Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chorar faz bem ao coração.

Chorar não faz bem para a saúde quando o faz amiúde as lágrimas são tal como um açude e a alma então se inunde. Quando a vid...