Barra de vídeo

Loading...

sábado, 4 de março de 2017

A bela e a fera e os gays!...[Mas, e os nossos filhos?]

Estamos vivendo uma época muito difícil para educação de nossos filhos, pois a mídia globalizada cujas ideias alvissareiras influenciam de forma profunda a consciência coletiva de nossa sociedade...

Tentam impetrar a todo custo uma filosofia de vida um tanto liberal e ao mesmo tempo converte qualquer seguimento contrario em algo retrógrado sectário...

Devemos então trancar nossos filhos dentro de casa?
É óbvio que não!

Mas podemos dar estes mesmos filhos, subsídios que formam antágonos que se tornarão uma égide para que os mesmo sejam idôneos diante daquilo que acreditam ser.

Sou radicalmente contra muitos que estão agindo de forma irresponsável e se aproveitam de serem formadores de ideias para promulgarem uma beligerante filosofia que acende o ódio de ambas as partes deturpando o que poderia ser uma tentativa de convivência pacífica.

Devemos ser coniventes a toda esta filosofia que amiúde tentam impetrar aos nossos filhos?
É óbvio que não!

Mas podemos salvaguardar nossos princípios familiares, fazendo-o sem jogar pedras na janela alheia.
Podemos ir além ainda!

Podemos manter a nossa privacidade e não permitir que ideias que descaracterizem nossos princípios,
o controle remoto de nossas vidas está em nossas mãos.
Podemos fazer de nossos lares uma brigada resguardando aquilo que damos maior valor.

O mundo vai continuar criando suas filosofias muitas delas um tantos deturpadas, não devemos esquecer jamais de quem é o deus deste século, “I Cor. 4: 04”.

Só que a maioria dos cristãos esqueceu quem tem todo poder sobre tudo e sobre todos, “Mat. 28: 18”


Não só esqueceu como está preterindo-o, e o faz quando compactua deixando entrar em seus lares certas programações que fazem o maior loby a estas filosofia alvissareiras.

Como se as mesmas fossem tão alvissareiras assim!...
Os Gregos, os Romanos, faziam de sua filosofia de vida algo tão comum, Afrodite que o diga!






Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário