segunda-feira, 30 de abril de 2012

RENASCER


Pudera eu voltar no tempo
e reviver tudo de novo
e refazer tudo de novo
e conviver tudo de novo.

Ter uma nova chance
quem me dera se a vida
me desse mais esta revanche
abraçar todos aqueles que se foram
ter perdoado 
a quem não quis perdoar.

revisto os meus erros
refeito os meus conceitos,
e tido a coragem de ser homem
e pedido o mais sincero perdão

Não deveria ter amado tanto assim
a quem não soube dar-me o devido valor,
mas deveria ter valorizado mais...
A quem tanto me amou...

Não ter derramado as minhas lágrimas tão em vão
nem ter machucado tanto assim o meu coração
chafurdado tantos anos em minha solidão...

Abraçado mais a quem hoje é só lembrança
não ter guardado tanto rancor
e com isto morrido paulatinamente
absorvendo esta dor
que dirimiu em meu ser o doce do amor.

Quem me dera eu tivesse sido mais irmão
não tivesse a vergonha de dar a minha mão
e um beijo um abraço apertado
mas eu preferi manter-me calado.

Porque eu não disse que  a amava!
Mas o medo do não me fez perder o meu sim,
em fim!

Ainda que tenha feito tudo errado
deixarei tudo isto arquivado no passado
vou correr como criança
tão cheio de esperança
 e abraçar ao meu irmão
pra dizer que eu o amo
convidá-lo para minha festa
aproveitar todo tempo que me resta...

Vou olhar nos olhos daquela mulher
encher o meu coração de fé
vou dizer que eu a amo

não vou cometer o mesmo engano,
e ainda que haja uma nova ilusão
passarei toda uma noite insone
e morrerei em tristeza até o sol nascer
e com o brilho do sol vou renascer.

Eu quero intensamente viver
a cada momento a mim mesmo dizer

Que desejo tudo diferente
meu Deus eu sou gente!
Não sou diferente!
...E sem medo de errar!
Meu Deus eu só quero amar!





Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito,
 para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

terça-feira, 17 de abril de 2012

Teologias alvissareiras


A palavra de Deus é como um problema de difícil entendimento aos que acham que sabem tudo e não anulam o que acreditam saber para estudar exaustivamente esta matéria...
O pior é quando muitos tentam deturpar e adulteram tudo aquilo que estudaram conhece a solução, mas a negligenciam criando uma pseudo resposta.
...Se dois e dois são quatro, quanto mais tentarmos alterar este resultado mais longe da simplicidade acabamos por ficar.
Quantas vezes  daltônicos confundem a excelência das cores, porém ainda que sejam terminantemente irredutíveis a cerca de suas convicções, o azul sempre será azul, assim como o verde jamais se converterá em vermelho.
Ainda que se tente implementar cores e ou misturá-las, teremos sempre novas cores desta forma não adianta imaginar que o azul e o vermelho  seguiriam distinguidas quando na verdade sabemos que a coisa fica roxa...
Quantas teologias alvissareiras e aparentemente deslumbrantes se têm vivenciado?
Desde os gnósticos tempos em que hereges se valiam de uma teologia infame para se verem semideuses aprisionados numa cadeia decrépita chamada corpo humano...
na atual conjuntura, esta mesma cadeia insuflada pela natureza humana se entorpece sedenta para satisfazer suas paixões e com isto buscam por intermédio do humanismo  se auto valorizar.
Em vez de negar a si mesmo, mais alucinante é obstinadamente ansiar por satisfações pessoais.
E nesta questão quantos vorazes falsos profetas estão aproveitando de infâmia de uma massa ignara sedenta por caprichos ensinam uma teologia pragmática humanista hedonista herética...
E já não sei o que é pior se o gonsticismos dos primórdios, ou esta obsessão para abarcar todos os prazeres que esta nova teologia nos traz e entre elas a pior...

A TEOLOGIA DA PROSPERIDADE...   






Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (Jo, 3:16)

segunda-feira, 16 de abril de 2012

O importante é amar!


Já não sou assim tão jovem
 para viver paixões avassaladoras
relacionamentos calientes
obsessivos ardentes
 que fazem perder a razão,
tal qual cio sazonal.

Paixão mesclada a emoção
cujo efeito é apenas  a ilusão
que inebriam a alma
entorpece o coração,
mas  depois desta aventura
fica apenas a frustração.

Eterna efêmera convulsão
que dura somente o tempo
de se perder e sair exaurido
completamente consumido
e um enorme vazio dentro d’alma!

O importante é amar!

 Vivenciar o verdadeiro amor
e neste amor se aquecer enlouquecer
e amar da forma mais profunda
por este amor até morrer!
Se necessário for!...

Mas renascer a cada dia
numa suave melodia
feliz como uma criança
tão cheia esperança.

E se viver!
 Viver por te querer
viver por amar você
viver para amar você
e dizer a mim mesmo:

Meu Deus!
Como é bom te amar!...




Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito,
 para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

quarta-feira, 11 de abril de 2012

O JULGO


Não julgueis
para que não sejas julgado,
com a mesma medida que julgas
poderás também estar errado.

Seu erro pode destoar-se do meu
ainda assim é um erro seu
e eu,
ao ver que erras tanto
devo aquietar-me em meu canto
enquanto,
tento aprimorar-me...

Na verdade nós somos espelhos
por onde as pessoas refletem,
ou elas nos subjugam
ou elas nos enaltecem...

Se a luz que há em mim
não pode brilhar em ti
a luz em ti se apagou
ou em mim a luz nunca brilhou,

mas a luz que brilha no centro
e resplandece sobre todos nós
converte-me em luz para vida
também reverbera em vós

e nós,

somos apenas partículas de luz
há aquelas que brilham mais
refletem a luz de Jesus.



Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

terça-feira, 10 de abril de 2012

Partículas de luz

Existe uma linha tênue ao que se relaciona às questões teológicas que divergem de questões filosóficas...
...E muitas vezes o que filosoficamente se adéqua, teologicamente se segrega, são princípios que devemos acima de tudo sabermos separar e respeitar polarizando a velha máxima de um celebre pensador que ironicamente era um agnóstico.
Voltaire, ainda que antagônico ao conceito metafísico não deixou de corroborar com suas partículas de sabedoria a qual rotulo de partículas de luz.
Na verdade todos nós trazemos inserido em nossa essência a nossa partícula de luz ainda que infelizmente homens como Hitler, Judas Iscariortes,  permitiram que a deturpada e conturbada filosofia de vida exaurisse toda luz que brilhou na sua infância.
 Mahatma Gandhi, Chico Xavier, Siddhartha Gautama, John Wesley e tantos outros nos transmitiram suas partículas de luz, fossem elas filosóficas teológicas ou ideológicas...
Eu tenho um profundo respeito a quem professa a sua religião exercita a sua fé ainda que esta se divirja dos meus princípios.
E ainda que eu priorize questões teológicas desde que não entre para um fundamentalismo exacerbado, posso conviver pacificamente respeitando e sendo respeitado.
O que parece ser uma utopia por causa da nossa heterogenia falibilidade humana...
Portanto, parafraseando Voltaire  
“Posso não concordar com nenhuma das suas palavras mas defenderei o seu direito de dizê-las até a morte.



Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

segunda-feira, 9 de abril de 2012

A arte de viver

Existem pessoas que aparentemente nada fazem por nada lutam, mas na verdade intimamente já encontraram a sua pedra filosofal...

Estas, trazem intrínseco o equilíbrio a consciência de que a harmonia é mais valiosa do que qualquer atitude precipitada.

É obvio que são questões distintas cada caso é um caso, e na vida há momento para tudo e nem todos os momentos se equivalem.

É imprescindível valorizar a capacidade de meditação antes de qualquer ação, e entre a ação e a meditação é preferível a meditação, sendo ela profícua, colocará o equilíbrio em ação.

A arte de viver se traduz na excelência de saber lidar com as intempéries vida, ter a capacidade de suportar as adversidades, mas para isto é imprescindível que coloque Deus como base de sustentação em que se edifica a filosofia de vida.

A consciência plena e arraigada de que há um ser superior faz com que o homem corrobore intimamente sua estrutura e quanto mais hegemônica for esta consciência,

quanto mais superlativo for este ser superior, quanto mais idôneo forem seus preceitos, maior será a capacidade de sobrepujar as barreiras.

E dependendo da comunhão estabelecida invariavelmente sobressairemos de forma salutar, tanto nesta vida como na vida posterior.



Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

Lanterna dos afogados.

Quando eu adentro em uma igreja e me prostro diante da presença de Deus est...