sexta-feira, 1 de julho de 2016

UM CORAÇÃO DE MULHER!...

Quantas mulheres sofrem a dor
e se afogam em lágrimas
por causa de uma violência brutal
que avassala a um sensível coração
que tudo que quis
foi o amor, foi amar e ser amada!

Mas que ao longo da estrada
foi brutalmente açoitada

Como pode um homem
bater na sua cara metade,
se ela é a parte sensível?...
Tão frágil tão bela!...

Mas com o rosto todo ferido
o corpo machucado
machucando a nossa dignidade
a vergonha de se orgulhar
em sermos homens,

ao saber que um homem
ainda bate em uma mulher.

Diz-me quem és tu?!
De onde tu vens?!
E quem te educou?
Quem assim te ensinou?
Não foi uma mulher,
não foi sua mãe!

Será que foi raiva
ao vê-la apanhar
sem nada ter feito
e hoje se vê com tal direito
de agora que homem
poder descontar?!

...Só pode ser isto!
Não vejo outra explicação,
para manchares as mãos
e mostrares tão fraco.

Diz-me a verdade
porque na verdade,
se bates em mulher!
Para mim homem não é.

Há um grito preso na garganta
por causa de tantos
verdadeiros demônios
e se fazem de santos
e no entanto
quebram o encanto,
convertendo o convívio
no mais temível terrível,
tão sórdido pranto.

Existem em vários lares
em um canto solitário
uma voz embargada
de uma face molhada
de uma mulher mal amada
que amou de forma tão sublime,

mas amando errado
se sente tão presa
e o pavor se dilui
a toda dor e o amor
de um coração de mulher
que tão bela,
entretanto tão presa
nas mãos de uma fera
que dela não quer abrir mão.

Hediondo ser humano
desprezível cidadão
que macula a imagem
de sermos homens,
pois o homem que é homem


nunca bate em mulher.


E...

Quem morre de amor
jamais mata por amor
por amor não se mata
pois se ama não maltrata
nem tão pouco se mata.

E aquele que diz que ama
mas o seu direito reclama
não entende que o amor
é a mais sublime entrega
sem querer nada de volta,

a não ser um vasto sorriso
e toda a felicidade
de ser feliz por fazer feliz
e o amor é tão grande

que se morre todo dia
para si mesmo, e o desejo
ao morrer ver renascer
com toda intensidade
o bem querer.

É preferível morrer
triste e solitário a dizer
como foi bom amar  você
e aos poucos lutar
para tentar esquecer

até um novo amor encontrar
e voltar a viver
pois vale a pena amar!




Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O terror do socialismo.

SOCIALISMO O mais desumano regime que se esconde por de traz de uma pseudo igualdade. Quando na verdade, traz intrínse...