domingo, 21 de julho de 2013

Meu Deus como eu amo você!




O amor é como nuvens fugidias no horizonte
como estrela que brilha em seu olhar
amor é sinônimo de amar
neste pleonasmo tão sublime
no qual a vida se redime.

Como o arco-íris depois da chuva
deslumbrante como luz da aurora
mas  triste como o por do sol
solitário em meio ao mundo
é  o mundo inteiro em um só momento.

A lágrima a escorrer pela face
o coração apertado calado
o clamor em silêncio bem dentro
a esperança daquilo que vem
ou a desilusão por aquilo se que se foi...

É o desejo querer voltar atrás
o amor é o que torna capaz
que exaure nos torna incapaz

o amor sou e você
o amor é a gente e  a vida o viver
o amor sou eu a escrever
meu Deus como eu amo você!




Porque Deus amou ao mundo de tal maneira 
que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê 
não pereça,mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Na fornalha da esperança,

De forma redundante sempre afirmo que os diamantes são raros de valores tão caros, mas que de nada valem para quem não lhes sabe dar o ...