sexta-feira, 1 de abril de 2016

Acaso, Cristo está dividido?


Mas a afinal,
Quem é você?

Sou apenas alguém que fala,
mas você não quer me entender?...

Por ventura,
o quê que você faz!...

Sou apenas quem fala o que pensa
e não penso nada demais!...

Mas me diga então,
o que é que você tem?...

Eu não trago ouro em troca
sou apenas um alguém!...

Mas me diga,
qual é a sua instrução?

Eu não trago um anel
sou apenas um cidadão!...

Que acredita na igualdade
Que nós somos todos irmãos
e sonha acima de tudo
com a mais digna união.

E mesmo sendo tão diferentes
nós podemos ser cristãos
eu sei que é só uma utopia
mera e tola ilusão
acreditar que ainda existe amor
para encher o coração!...

******
Nós vivemos em um mundo evangélico tão corporativista que chega a ser castrador, em que se eu tenho ideias que diferem ainda que as mesmas sejam plausíveis de debates acabam sendo segregadas...

Tudo em prol de um conceito que seja favorável a ideias que coadunem a filosofia de um agrupamento de pessoas...

Basta dizer que enviei um comentário a um artigo de um pastor de certa editora,

já que este de forma sutil preconizava a complacência a ideias que deturpam  a cosmovisão cristã em que o mesmo demostrava uma certa inferência ao socialismo defendido por um conceituado formador de ideia...

DEUS NÃO TERCEIRIZOU A SUA IGREJA.

E ainda que um comentário seja desdenhado a verdade jamais o será.
E como a editora não deu ênfase a ideias destoantes, eu as colocarei no meu blog.

************

Eis comentário que foi feito...

Nem tanto ao mar nem tano a terra, as diferenças devem e tem que ser respeitadas desde que as mesmas não venham dirimir a essência que consiste o paradigma cristão.

Não podemos priorizar o humanismo e com isto dar ênfase ao relativismo, o evangelho sempre foi de renuncia de lagrima e de dor, a dor de negar a si mesmo.

E todas as vezes que uma ideologia recrudesça uma filosofia antagônica as bases sólidas do cristianismo devem ser rechaçadas para que a mesma não germine fungos que solapem a estrutura desde mesmo cristianismo que hoje se apresenta tão promiscuído.

Eu não julgo pessoas, mas critico ideias, e toda ideia que deturpe a hegemonia do principio cristão serei terminantemente contra.

PS.
De forma alguma estou afirmando que estou certo na tese do comentário por mim feito, apenas contesto o fato de que por ser desafiador ele não tenha tido a devida atenção.


Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chorar faz bem ao coração.

Chorar não faz bem para a saúde quando o faz amiúde as lágrimas são tal como um açude e a alma então se inunde. Quando a vid...