segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Amanhã é outro dia!




As vezes ficamos calados com os olhos perdidos em algum ponto,
as respostas simplesmente desaparecem e dentro de nós flui
um sentimento tão negativo que nos consome paulatinamente...

Como superar nossos conflitos subjetivos?
Como vencer este temor que nos ronda?

A sensação de que perdemos um tempo enorme
e tudo que fizemos,
tudo que lutamos parece ter sido em vão...

São momentos que parecem eternos
e por parecerem eternos nos tornam momentaneamente
profundamente consumidos por nossos dilemas...

Por que sofrer tanto?!
Se sabemos que temos apenas um dia a cada dia!

Se no amanhã nem mesmo temos
a certeza de que estaremos vivo

Amanhã é outro dia!

O incrível é que o sol sempre nasce
e disto nós temos a plena certeza,
ele sempre nasce.

Jamais devemos esquecermos do nosso maior tesouro,
as nossas próprias vidas que vai triste ao saber
que nós a tornamos mais triste ainda!

O segredo de tudo está em driblar as incertezas
trazendo a plena certeza de que amanhã é outro dia
e olha!

Existe algo que vai além das nossas limitações
e isto não é uma imposição
é apenas uma opção que pode ser descartada
pelo nosso livre arbítrio
nosso pleno direito de escolha
e isto já é algo bom
saber que somos livres para escolher
escolhermos aquilo que nos dê a verdadeira liberdade.

O amor.

A única coisa que verdadeiramente pode nos libertar
enquanto nos deixa preso
e neste paradoxo maravilhoso!

Vale a pena experimentar desta doce prisão abstrata
ainda que as vezes ele pareça nos entristecer,
no fim das contas nós percebemos
a sublimidade de termos amado
a sublimidade de termos sonhado!...

As flores ainda exalam o seu perfume
ainda se brilha o lume nos seu olhos
e Deus não se esqueceu de você.







Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chorar faz bem ao coração.

Chorar não faz bem para a saúde quando o faz amiúde as lágrimas são tal como um açude e a alma então se inunde. Quando a vid...