segunda-feira, 7 de novembro de 2016

O Rei da gloria?!




Seus olhos se abrem calmamente...
Como quem despertou-se
do mais terrível pesadelo
e no mais profundo silêncio contemplou-se!...

Deu um suspiro profundo!...
Lá fora estava o mundo
os poucos que o amaram
e todos que o rejeitaram
que cruelmente o mataram!..

As lembranças lhe vieram
numa fração de um segundo
e ele abstraído no seu mundo

olhou para os seus pulsos
quão terríveis estigmas nas mãos
a ferida no peito
da lança que transpassou-lhe o lado direito,
e o orifício nos pés....

Lá fora o silencio tão profundo
e o pulsar de seu coração
que batia paulatinamente
não estava mais doente
fora embora toda dor
sobrou apenas o mais sublime amor!

E um leve sorriso nos lábios
ao contemplar os panos
esquecidos no canto da pedra
panos que  enrolaram o seu corpo
que por três dias esteve morto.

Sofreu todos os tipos de covardia
o mais cruel castigo lhe fora imposto
antes do amargo gosto da morte
mas ele foi herói ele foi forte!...

Dos olhos escorreram uma lágrima
lhe veio uma profunda alegria
sozinho no sepulcro ele sorria
ao ver que vencera toda a agonia

e silenciosamente
de novo,
chorou compulsivamente
sem que ninguém pudesse ver
aquele que voltou a viver!

A morte não o pode deter
no silencio de uma noite sombria
a vida e a luz e a alegria
veio resplandecer!

E nós céus um novo cântico entoou
e prostraram se os anjos,
também os arcanjos,
bradaram os serafins querubins.

Santo. Santo. Santo.
É o Senhor dos exércitos!







Levantai ó porta as vossas cabeças!
Levantai-vos ó portas eterna!
Para que entre o rei da glória!

Salmos, 24: 07





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Chorar faz bem ao coração.

Chorar não faz bem para a saúde quando o faz amiúde as lágrimas são tal como um açude e a alma então se inunde. Quando a vid...