terça-feira, 1 de março de 2016

Consciência Antropocêntrica.

A ORDEM DOS FATORES


No meu modo de pensar
no meu jeito de falar
na minha maneira de agir!...


Acredito que a ordem dos fatores
não alteram o produto.

...E a consciência humana
na sua excelência bacana
evidencia a sublime filosofia
que permeia a hegemonia
do que podemos ser
e com isto nos satisfazer.

As ideias coadunam
impregnadas sutis e harmoniosas
elegantes e ditosas
no processo da temática
em uma dialética impactante
evolutiva e inconstante
em que nós a todo instante
inovamos e provamos a nós mesmo
que é possível ir além de onde estamos.

Para não chegarmos a lugar nenhum!...



Êxodo, 33: 15

O dinamismo intelectual e a emancipação da própria tecnologia obviamente influenciou de forma determinante a consciência cristã.
Isto é de suma importância, porém existe o outro lado desta moeda que se torna um tanto perigoso e uma tênue linha vem paulatinamente sendo ultrapassada e com isto a consciência antropocêntrica vem dirimindo a consciência cristocêntrica.
Os princípios que outrora eram bastante edificantes vêm sendo deturpados dando lugar a outros conceitos que visam sobrepujar a simplicidade do evangelho.
Alvissareiras metodologias amiúde são implementadas o que contrasta com os ideais de cristãos cuja  capacidade de influenciar partia primeiramente acima de tudo da renuncia de si mesmo seguido de uma entrega total para que o Espirito Santo de Deus através de sua teofania, avassalasse como se via através destes grande vultos que edificaram a igreja.
Homens como Charles Finney, Chales Spurgenon , David Brainerd, cujos testemunhos me faz sentir tão ínfimo, avassalaram, impactaram e o fizeram não com metodologias alvissareiras, mas com corações quebrantados e joelhos dobrados.
Não que seja errado apoderarmos de todas estas facilidades que a tecnologia que em muito nos auxiliam, mas juntamente com ela alienamos com uma filosofia um tanto pragmática humanista.
O problema que isto nos tornou mais teóricos e menos práticos, mas filosóficos, menos espirituais, mais ativistas, menos cristãos...




Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os cães ladram, mas a carruagem passa.

Existe uma enorme influencia advinda de filosofias progressistas que deturpam de forma profunda o conceito familiar, eu sei que é impor...