domingo, 30 de junho de 2013

Eu vim aqui Senhor!...














No cartaz estava escrito:
Grande cura para o mau
dizia que o Senhor é a solução…

Eu vim aqui Senhor!…
Mas eu não sei como orar
trago o meu coração ferido
o meu peito dolorido
o olhar sem esperança
trago apenas a lembrança
que um dia fui feliz!…

Os meus sonhos foram feitos em pedaços
tudo não passou de uma ilusão
como dói este vazio
que me machuca o coração.

Ó meu Deus sou tão carente
me sinto como se fosse escoria
um miserável indigente
tão em vão a minha história.

Eu vim aqui Senhor!…
confesso estou sem esperança
meu Deus eu quis até morrer
e com tudo acabar
para esta dor aliviar,

mas eu vi este cartaz
que falava do Senhor
eu percebi nestas palavras
que elas falam de amor

Tem tanta gente aqui!
Eles sofrem como eu?

A esperança deles já morreu?
Mas parecem tão felizes!…

Tem gente que até chora
Eu…
Eu faço isto a toda hora!
Só que de tristeza!…

Tantas vozes misturadas
sinceramente eu não entendo nada
mesmo sem entender o que eles falam
ouço seu nome mencionado.

Eu vim aqui Senhor!…
Sou alguém que perdeu o brilho
que se desviou no trilho
e não tenho para onde ir
ninguém pode me ajudar!

Só queria uma chance
uma esperança uma revanche
Para começar de novo…


Eu vim aqui Senhor!…





Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito,
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

sexta-feira, 28 de junho de 2013

Ela gosta é de carinho!...












Bonito eu não sou!
Dinheiro eu não tenho!

...Nem sou influente
sou apenas gente
eu não sou diferente
e me faço ciente.

Ela gosta é de carinho!...

A começar pelo anel
sonha com lua de mel
tão romântica em Viena,
automóvel importado
e tem que ser bem carinho,
nem em sonho ela sonha
com um simples barracãozinho.

Tem que ser um palacete
e ser chique pra cacete
extremamente exuberante
tão chiquérrimo elegante
área nobre zona sul
e uma linda casa de praia
bem ao fundo o mar azul!

...E eu!

Sou apenas um sujeito
que se julga no direito
de casar e ter um lar
mas quem é que eu fui amar?!

Só que ela está ficando velha
e as rugas estão chegando
vai aos poucos desmanchando
enquanto espera o seu príncipe.

Que saudades das estórias
que ouvia quando criança
me enchiam de esperança.

Se a vejo uma princesa
ela vive a me desprezar
se para a ela eu sou sapo
bem que ela podia me beijar

e beijar e beijar!...
Até um príncipe eu me tornar,
e se eu não virasse um príncipe!

Seus beijos não seriam atoa
pois se eu não me viro um príncipe
ela está se transformando numa leitoa!



 

Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Eu você e ele



























Diga-me com quem tu andas,
que eu direi quem tu és!

Digo lhe quem eu sou
E quem comigo anda
ou  um dia já andou...

Se com quem tu andas!
Ando eu,
se amigo seu,
é também amigo meu!

Eu diria bom amigo,
se o que anda contigo
é o mesmo que anda comigo,

mas se o que contigo anda
comigo nunca andou
já não sei se ele é tão assim
sei que dele assim não o sou!...

Na verdade eu você e ele

somos apenas nossa  própria escolha
tão compactos nesta bolha
que mal cabe a nós mesmo

que tão frágil tão efêmera
se estoura e nos separa
para unirmos a outro alguém

mas quem?



Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Pra dizer que não falei das flores.

















O nosso patriotismo deveria ser muito mais cívico, deveria ser muito mais  ideológico, muito mais filosófico!... 
De forma intrínseca as nossas almas, e não uma efêmera  ilação alienada cuja essência é tão superficial e volátil.

Talvez assim não tivéssemos nos acomodados tanto permitindo esta serie de descalabros que culminou em desrespeito a nossa sociedade.  

Porém devemos acima de tudo aproveitar este momento impar e olharmos para frente e tirarmos lições imprescindíveis que este mesmo momento nos propicia.

Introjetar em nossa cultura cotidiana a vontade de viver ideais que corroboram para um país cada vez melhor, cada vez mais honrado, mas o maior ideal agora é o de conscientizar nosso povo que política não é apenas coisa de políticos.

Retirarmos as cataratas de nossos olhos desatrofiar nossos cérebros despertar em nossos filhos a verdadeira compulsão que faltou em nós quando preterimos os rumos de nossa nação ao preterir questões de sobrevivências interligadas a ingerência de gestões passadas.

Que nós e nossos filhos tenhamos mais sede em conhecer e entender   os meandros daqueles que conduzem nossa nação, e que de agora em diante, nós tomemos gosto e nos tornemos fiscais de cada ato que advêm daqueles que gerenciam a nossa nação.

Que os professores que me colocavam em posição de sentinela ao som do hino nacional voltem a fazê-lo com nossas crianças com o mesmo orgulho que permeava em minha geração que apesar de um despotismo tão grande sabia que aquela bandeira era muito mais do que um simples pedaço de pano, e que aquele hino muito mais que uma simples canção...

...E parafraseando Geraldo Vandré!

Nas escolas nas ruas campos construções
Somos todos soldados armados ou não,
Caminhando e cantando e seguindo a canção
Somos todos iguais braços dados ou não...

Vem vamos embora que esperar não é saber

Quem sabe faz a hora não espera acontecer. 





Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

sábado, 22 de junho de 2013

Como diria Mahatma Gandhi

As vezes é necessário ponderar sobre nossas razões e ainda que elas sejam evidentes, é imprescindível preteri-la em detrimento de uma causa maior.

Como diria Mahatma Gandhi
“Um homem não pode fazer o certo numa área da vida, enquanto está ocupado em fazer o errado em outra. A vida é um todo indivisível”.

Sinceramente eu temo que por causa da falta de prudência a imprudência de vândalos, vassalos da inoperância governamental cujo efeito colateral formataram verdadeiros bandidos travestidos de cidadão.

E com isto se perde o norte e nossos jovens sem uma liderança cognitiva passem a ser instrumentos para desestabilização de toda uma sociedade...

Temos preso na garganta o grito da injustiça que agora eclode, mas infelizmente mentes deturpadas fungos pejorativos desta sociedade conturbada estão tentando invalidar nosso brado.

Que Deus tenha misericórdia devemos agora mudar o nosso clamor para que este mesmo Deus venha intervir para que a nação não se torne refém da anarquia de uma revolução que nunca desejamos para nossos filhos.


Não foi para isto que lutamos contra a ditadura...


Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna.
 -João, 3:16-

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Estação de primavera.


A mão que se estende além do seu alcance...


Pode alcançar um sorriso  
pode arrancar um suspiro
pode trazer um alivio
pode mudar um convívio
pode salvar uma alma.


O coração que estende além das suas próprias batidas...

Pode satisfazer um anseio
pode fazer renascer o amor
pode sarar uma dor
pode trazer alegria.




Uma alma que vai além de si mesma...

Pode emanar entre as outras
pode sublevar tantas vidas
pode trazer novas vidas
pode ser sinônimo de viver.

Pode ser a mão de um irmão
que mata a fome de outro irmão.

Pode ser um só coração
que coube trazer o amor e o perdão.

Pode ser acalanto
Louvor ao em vez de pranto.

Pode ser um abrigo
refúgio para um conflito
instrumento de Deus.

Pode tornar-se eterna
entre todas a mais bela
estação de primavera.




Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

terça-feira, 18 de junho de 2013

Único mediador



















Eu olhei-me no espelho
e vi dentro dos meus olhos
o brilho daquele que me amou
e por mim sua vida enregou.

Eu vi o brilho de Jesus
e sua voz mansa a me dizer
eu sou o Espírito de Deus
por amor eu  habito em você.

Sei que nunca me mereceu
na verdade não há quem mereça
mas eu escolhi a você
ainda que o mundo pereça.

...Eu vim foi para os meus
mas os meus não me aceitaram
mas a todos que me receberam
que se entregaram e creram
negaram a si mesmo
 e também morreram
e seguiram o caminho estreito.

Com a boca me confessaram
com o coração me amaram
este amor externou
a fé em mim professou
e todo seu pecado confessou
por amor a mim
o meu Pai o perdoou.

...Sem derramamento de sangue
não há remissão de pecados
eu tive que verter meu próprio sangue
para o seu ser purificado.


Eu sou o caminho e a verdade e a vida
ninguém vai ao Pai senão por mim
não há outro nome entre os homens a ser dado
jamais haverá outro sim.
em fim!

Sou o único mediador
o bom pastor que deu a vida pelas ovelhas
a porta por onde você passou
quando a sua vida a mim entregou
e o seu pecado confessou.

Na verdade todos pecaram
destituídos da glória estão
eles estão mortos
e mortos continuarão.

A menos que me confesse
como único e suficiente salvador
mesmo sendo eles tão maus
os purificarei como o meu amor.

E lhe mostrarei a salvação.

  
Porque Deus amou ao mundo de tal maneira 
que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

sexta-feira, 14 de junho de 2013

COPAS



















Eu sou brasileiro!...
Com muito orgulho!...
Com muito amor!...

Será que somente em tais momentos,
que a civilidade recrudesce nossas almas?

Será que é somente em tais momentos,
que esquecemos nossas mazelas?

Será que é somente em tais momentos,
que os ladrões os traficantes simplesmente deixarão de existir,
que a nossa política tornou-se um exemplo,
que nossa saúde ficou incólume e nosso trânsito assim tão livre?...

Como eu amo esta nação!
afinal eu sou dela um cidadão
que enche d’água os olhos ao hino
e bate forte o coração.

...Então eu vou volátil a utopia
enquanto pulo grito é gol quanta alegria
isto é o Brasil que a nossa alma contagia.

Esquecemos o submundo
que isto tudo vai passar
que de novo vou voltar
a viver e conviver
com as mazelas da nação.

Sim adoro futebol!
Como todos também quero vibrar
e torcer com emoção
ver o meu Brasil ganhar!

Mas não apenas por momentos
tão efêmeros tão voláteis!...

Quero ver nossas crianças,
crescer com muito mais esperança

quero outra utopia
ver o fim da violência
e sonhar com a transparência
de políticos tão honestos.

Esquecer a epidemia
se nós somos vencedores
porque desta pandemia
esta dengue a avassalar?

Nossos postos de saúdes
atendendo amiúde
sem deixar morrer na fila
nosso povo tão sofrido.

Este povo preterido
só lembrado nas eleições
ou em efêmeros campeonatos
como a copa das confederações!...









Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

TALK $HOW GO$PEL
















Ela é estrela gospel
Uma artista influente
Sei que canta tão bonito
E cativa tanto aos crentes!

Pôs um pouco mais de ruge
e caprichou no seu batom
ela foi para TV
como acha isto bom!

Participou de outro programa
uma artista pop star
adora tal badalação
é estrela quer brilhar!

Dá gloria a Deus diz aleluia
e dá paz para o irmão
ela é assim tão poderosa
sua fama é sua unção!

Não conhece a historia
de um povo que sofreu
de um povo que ainda sofre
por amor a Jesus cristo.

Tem seu grupo de amigos
todos cantam para os crentes
mas não são a solução
para crentes tão doentes!

Seus amigos tão festeiros
esqueceram a essência
não colocam em evidencia
as verdades do evangelho.

Sei que são célebres artistas
talk show e tudo mais!
mas não vivem o evangelho
são voláteis tão fugaz.

Se enveredam pelas madrugadas
em boates as escondidas
quantos traem os seus cônjuges
estão nas drogas nas bebidas

cantam e dançam um avivamento
para Deus triste o lamento
ignoram que são efêmeros
também se esquecem do tormento.

O importante é conquistar
o evangelho anunciar
mas evangelho deturpado
que anula a salvação

que não fala de arrependimento
não condena o pecado
trás um deus tão abstrato
submisso tão pacato.

Vendem milhares de CDs
cobram caros por seus cachês
e o povo tão estéril
se derramam em emoção,

mas não derramam o coração
não suplicam por perdão
são apenas povos secos
tão perdidos na ilusão

reaviva tua igreja Deus!
Pai não a deixe morrer
ela é quantitativa
mas não é qualitativa.

Vejo líderes perdidos
a guiar o seu rebanho
um evangelho tão profano
que só fala de riquezas

faz de ti reles mordomo
subalterno as nossas bênçãos
sucumbindo a nossa presunção
mas não fala que tu és
a nossa única solução.




Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Pais & filhos




O maior mal da humanidade não é a violência, mas sim a arrogância da qual esta mesma violência é oriunda.

Vejo a arrogância, o orgulho de lideres políticos que amealham para si mesmos benefícios que seriam para tantos que perecem a margem da sociedade.

Excluídos estes não tem como investirem em suas famílias que por sua vez educam aos filhos de forma tão deficitária...

Vejo a versatilidade de jovens que encontrou na democracia toda a liberdade o que é coerente, mas por não estarem preparados para tal perderam os seus limites.
... A educação que antes pautava os lares que davam autoridade, objetividade aos pais!

Hoje, estes jovens insuflam se inflamam contra os mesmos pais fazendo o que bem querem a qualquer hora...

Adolescentes que mal saíram da puberdade, mas já praticam o sexo com toda liberdade e com isto acabam encarando uma gravidez precoce em que no final das contas a maioria das vezes é os pais que assumem a responsabilidades...

Vejo jovens cada vez mais se enveredarem para as drogas e tudo começa de uns tragos a mais em um copo de bebida, e quando não recrudescem em seu vicio acabam matando ou morrendo nesta violência que fazem com as madrugadas transformem nossas ruas em verdadeiros corredores da morte em seus carros completamente alucinados, ou em guerras urbanas que poderiam ser evitadas se os pais tivessem voz ativa...

Pais que arrogaram para si as novidades corriqueiras e são hipnotizados pelos programas televisivos, pela internet, pelo dinamismo cotidiano e não percebem que seus filham estão crescendo órfãos...

Dinamismo este que torna tudo o que escrevo obsoleto ignorando que nos guetos gangues são formadas quando municiadas pelo vicio que amiúde avassalam com seus próprios filhos, eu...

Sou apenas alguém que quer falar de Jesus até que alguém me interrompa arrogantemente e diz.

La vem você falar de religião de novo!




Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito,
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

quarta-feira, 12 de junho de 2013

PLC 122

Como cidadão eu valorizo e defendo a ferro e a fogo os princípios cristãos, como cristão.

Sou renitente ao que se refere a um evangelho hegemônico sem a demagogia de pessoas que se valem de conceitos pertinentes, mas com o intuito de se auto promoverem...

Infelizmente tenho visto muita pirotecnia demagoga a respeito de questões que realmente são necessárias, mas estão se valendo disto com conceitos deturpados preterindo a sã doutrina que é a base sedimentar para que a sociedade se torne mais ilibada.

Devemos sim!
Questionar nossos direitos, porém nossos direitos terminam aonde começam os direitos de outrem, só que temos presenciado um energúmeno embate em que os interesses vão muito além do que se está em pauta.

Desrespeita-se a consciência coletiva quando no a fã de estabelecer objetivos subjetivistas cada cacique induz seus subservientes as suas próprias idéias e não os ideais hegemônicos.

Sei que a recíproca é verdadeira e vem na integra já que ativistas tornaram-se déspotas generais abstratos de idéias arbitrarias que de forma unilateral buscam cercear o direito daqueles que são contras seus comportamentos...

Acredito que se nós que temos a essência teofânica de um Deus maravilhoso e se começarmos a buscar mais desta essência a fim e que a mesma reverbere por intermédio de nossas vidas.

 Poderemos impetrar uma nova consciência coletiva fazendo uma inferência tão grande no meio da sociedade que as disparidades subsistirão.


Nós podemos mudar o mundo, mas é necessário primeiramente que mudemos a nós mesmos primeiro, e o nosso testemunho fará o resto.


Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Rei dourado

Batia o feiticeiro em seu tambor
e dançava e cantava e pulava em sua dor
gemia e chorava o seu horror
seu amor foi para longe e não voltou!...

Índia bela jovem linda
viu o brilho no olhar
suspirou profundamente
o direito de amar!

Se entregou foi por amor
não quis mais ali ficar
foi carregada pelos braços
em um lindo cavalo branco!...

Quão terrível feiticeiro
tão horrível mensageiro
entre as pragas e maldições
percorreu pelas nações
tão em vão sem ter amor.

Viu seu elo ser quebrado
seu orgulho despojado
pois não era ele amor
nunca soube o que é amar!

Este o velho feiticeiro
se forjou no seu querer
investiu no seu poder
mas não há poder sem ter amor.

Irou-se o índio feiticeiro
quando viu belo guerreiro
retirar do seu terreiro
sua índia bela flor
toda feita de amor
tão afeita pro amor.

Maravilhosa e deslumbrante
quão sublime uma princesa
não nasceu para os falsos
para o guerreiro é sua beleza.

Ele veio tão contente
saltando pelos montes
com seu rosto iluminado
majestoso Rei dourado.

E a índia emudeceu
coração forte bateu
o guerreiro era seu
ela sempre fora do guerreiro



Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. -João, 3:16-

O escritor.

Ser escritor é externar muito mais do que uma expurgação de sentimentos, vai muito além da presunção de uma habilidade.

Ser escritor é saber lidar com as palavras ao escrevê-las, é expressar aquilo que está embutido nos corações, é converter corações em palavras escritas e descrevê-las com total sublimidade.

É amenizar as agressões, recrudescer as amabilidades, fortalecendo o diálogo vivenciá-lo como doutrina conjugá-lo no presente do indicativo.

É formar ideias cognitivas que edificam a sociedade, é expressar os anseios solenes que marcarão para sempre a historia, é mudar a sua historia e concomitantemente a historia do mundo.

É reverberar a filosofia fazendo com que esta reconheça a eficácia de ideias que a tornam mais hegemônica.

Ser escritor e trocar o artigo indefinido pelo artigo definido.

É destoar-se daqueles que acreditam que o são, até que percebam que são uns mediante O! 

Verdadeiro escritor

É extrair o melhor em meio o que de pior existe, e com as próprias mãos silenciar a truculência dos tiranos dirimir a arbitrariedade dos déspotas.

Ser escritor é morrer, mas perpetuar as suas palavras...

A arte de escrever vai muito além de um simples dom, pois elucida o passado reverbera o presente e preconiza o futuro.

E o homem é tudo aquilo que ele lê e se pode entender naquilo que ele escreve, naquilo que flui de sua voz e a sociedade é a ressonância de tudo aquilo ele assimilou...

A essência que emana deste mesmo homem pode torná-lo valoroso a si e ao próximo, desde que esta seja oriunda de um caráter idôneo, digno.

Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

sábado, 8 de junho de 2013

Análogos a Ele


















A felicidade, o bem estar social, são sentimentos que dependem muito mais de questões subjetivas do que necessariamente circunstâncias objetivas.


Confie no homem apenas como um instrumento de Deus.

Como instrumento de Deus quando te ajuda.
Como instrumento de Deus quando te prejudica.

Quando te ajuda, isto pode ser a ti extremamente útil, mas quem o faz corre o risco de se envaidecer por tê-lo feito, corre-se o risco de mais tarde cobrá-lo por fazê-lo, corre-se o risco de você endeusá-lo pelo feito, e quando este o decepciona, a desilusão é profunda.

Quando te prejudica ainda que os danos sejam terríveis, até mesmos irreversíveis, se sobreviveres a tempestade com certeza sairás amadurecido e a experiência te tornará incólume de novas agruras, ou pelo menos fortalecido contra as mesmas.

Se você ajuda e tem como troco a ingratidão, com certeza a ingratidão cometida jamais anulará a grandeza de seu feito, mas se deres maior valor ao que fizera na verdade o que fizera nada mais é do que a manifestação de um ego envaidecido, e quando tudo é feito apenas com propósitos altruístas, a recompensa se dá no ato de fazê-lo.

Porquanto.

Ao dar ou receber, ajudar ou ser ajudado derive sempre os seus atos para Deus, pois a ele tudo o que fizermos nada significa mediante a sua incomensurável grandeza.


E quando nossas atitudes visam contemplar a sua glória, ou por ela ser contempladas nos tornamos um pouco mais análogos a ele, fazendo com que tudo o que fazemos se torne efêmero supérfluo...   



Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça,
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Corações narcisistas
















Certa vez ouvi alguém dizer que o exercito de Deus é o único que deixa os seus feridos para trás... 
Na época eu não concordei muito com este pensamento, mas a medita que o tempo foi passando fui compreendendo que ele não é tão inverossímil assim.
Quantos hoje vivem somente de aparências segregam aos menos favorecidos, mas quando estão mediante as pessoas parecem tão sinceros tão cândidos...
Quantos líderes que olham apenas para si mesmo meu Deus?!
Hermeticamente fechados estão no centro das atenções, mas quando chega alguém que não faz parte do seu meio eles excluem...
Infelizmente muitos parecem mais àqueles sacerdotes com os seus filactérios cheios de pompas, o que diriam se fosse um simples carpinteiro que estivesse escrevendo isto?  
Infelizmente também vimos o discurso politicamente correto afirmando o vinculo da união e do amor, mas a hipocrisia tal como lepra tem carcomido a tantos ministérios.
Muita sofisticação muito luxo, mas corações narcisistas que fazem com que a luz de Deus seja trocada pelas apoteóticas luzes de neon...
Oh!! Jesus!
O que foi feito daquela igreja cuja prole era oriunda dos sepulcros, aquelas catacumbas em Roma no século primeiro?...

  


Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, 
 para que todo aquele que nele crê não pereça, 
 mas tenha a vida eterna. 
-João, 3:16-

Lanterna dos afogados.

Quando eu adentro em uma igreja e me prostro diante da presença de Deus est...